segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Como conheci Deus?


Pastor Laércio dos Santos Oliveira
Olá queridos irmãos em cristo que a paz do Senhor Jesus inunde o coração de todos que fazem parte desta amada família “Casa de Oração Encontro com Deus.”
Meu nome é Laércio dos Santos Oliveira, sou casado com a pastora Rosa Maria Pitta Oliveira, sou policial militar aposentado, minha esposa é professora na rede municipal em Mogi das Cruzes. Temos um casal de filhos, Rejane dos Santos e Francisco dos Santos, ambos já casados. Temos também um netinho de 5 anos de idade, João Cesar nosso xodó.
A conversão da nossa família aconteceu através de um casal que vieram morar em frente a nossa casa em meados de 1995; Adolfo e Edilze Balbuena.
Primeiro eles começaram um trabalho de evangelismo com nossos filhos, que ainda adolescentes decidiram – se batizar e não demorou muito tempo minha esposa a convite deste casal foi participar de um chá para senhoras e voltou de lá totalmente convertida. Isso foi um passo para que eu também me jogasse nos braços de Jesus.
Desde então nossa vida foi completamente transformada, fechamos nossa lanchonete (bar e lanches perdidos na noite) porque agora não estávamos mais perdidos. Começamos a freqüentar a Igreja Nacional do Senhor Jesus Cristo onde todos fomos batizados e passamos a dedicar todo o tempo que a lanchonete consumia para fazermos a obra do Senhor. Desde de então começamos a participar de todos os cursos que a igreja oferecia e nos tornamos obreiros da glória de Deus.
Fazíamos reuniões de evangelismo no antigo salão onde era lanchonete (café da manhã para homens e chá da tarde para senhoras) onde resultou na conversão de muitos antigos fregueses da lanchonete.
E desde então não paramos, em 2003 sob um comando divino deixamos a Igreja Nacional do Senhor Jesus Cristo onde permanecemos fiéis a liderança Pr. Péricles e Pr.a Waldivia o qual amamos muito e com a bênção deles viemos a fazer parte desta maravilhosa família que nos acolheu com muito carinho, nos deu liberdade absoluta para trabalhar e fazermos a obra.
Hoje somos pastores e já a sete anos dirigimos a congregação de Mogi das Cruzes e nossa trajetória na Casa de Oração apesar das lutas tem sido muito abençoada, temos somado com a liderança em todos os aspectos para juntos saquearmos o inferno e povoarmos o céu.
E neste esforço para saquearmos o inferno tenho realizado trabalho com casais entre cursos, onde acabei elaborando uma apostila “Como ser uma pessoa próspera segundo Deus”, esta apostila trouxe um resultado fabuloso na vida de pessoas que se encontravam endividadas, sem paz. Apostila que mais tarde se tornou um livro muito abençoado.
Hoje com esse material realizo palestras nas igrejas onde sou convidado.
Sabemos que muita coisa ainda deve ser feita para a implantação do Reino de Deus na Terra, por isso temos sonhado com o crescimento deste ministério, muitos obreiros sendo levantados, várias igrejas sendo inauguradas e Casa de Oração sendo um referencial ao amor de Deus nesta geração. Por isso eu desafio a todos que fazem parte desta família a se unirem conosco em oração para que esse sonho se torne realidade.
Um abraço a todos।


Pastor Laércio dos santos Oliveira

domingo, 7 de novembro de 2010

Livro sem palavras

Um meio colorido de comunicar o evangelho
Descubra o seu rico legado...


O livro sem palavras primeiro com apenas três paginas – nas cores preto, vermelho e branco foi apresentado por Charles spurgeon em 1866. Charles usou o livro sem palavras em Londres, falando sobre um antigo ministro que reuniu três paginas e as folheou frequentemente para lembrar-se dos seus pecados, do sangue de cristo derramado por ele e da purificação.
Não se sabe quando a página dourado foi acrescentada, mas ela trouxe outra dimensão ao livro, retratando o amor de Deus e as glórias do seu lar celestial. Nove anos mais tarde o livro foi usado em um culto para crianças aonde cerca de doze mil estavam presentes, para ouvir e ver a mensagem sobre um livro de quatro páginas, nas cores preto, vermelho, branco e dourado.
Em 1895, o livro foi levado a Índia, fizeram uma bandeira de cetim nas cores preto, vermelho, branco e dourado. Indo de aldeia em aldeia divulgando o evangelho no sul da Índia. Nos grupos menores ele usava o pequeno livro em vez da bandeira.
Quinze anos mais tarde eles acrescentaram uma última cor, o verde para representar o crescimento da nova vida, publicaram também um folheto ensinando como usar o livro e incluindo versículos bíblicos para cada página.
Um legado continua para as futuras gerações nos anos que se seguiram, o livro sem palavras foi levado por missionários a mais de 120 países do mundo, guiando milhares de meninos e meninas a cristo.
Por meio de uma linguagem universal da cor Deus tem usado este meio eficaz para comunicar sua maravilhosa mensagem de salvação, talvez mais do que qualquer outro instrumento na história.
O livro sem palavras sem palavras foi também ensinado às crianças salvas que desejam compartilhar sua fé com outras. Muitas crianças foram levadas a Cristo por outras crianças usando esta ferramenta simples. Transmita instruções claras e dê oportunidade para praticar a medida que passa este rico legado a uma nova geração.
Há centenas de anos Jesus repreendeu os discípulos advertindo – os: “Deixai vir a mim os pequeninos, não embaraceis, porque dos tais é o reino de Deus।” (Marcos 10; 14)

Pastora Maria Laviano विल्लेला
Diretora e coordenadora do departamento bíblico da I.C.O.E.D

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Homenagem dos jovens da Casa de Oração a todos os pastores

No dicionário brasileiro consta apenas um significado sobre a palavra pastor
“É aquele que guarda ou apascenta gados.”
Mas se nos basearmos na bíblia pastor, vai além do que guardar ou apascentar gados. Vai ai três versículos bíblicos para se tornar um grande pastor.
Provérbios Cap. 28; 23
O que repreende ao homem achará depois mais valor do que aquele que lisonjeia com a língua.
Provérbios cap.29; 17; 18
Castiga a teu filho, e te fará descansar; e dará delicias a tua alma.
Não havendo profecia, o povo se corrompe; mas o que guarda a lei esse é bem aventurado.
Agora o terceiro e último exemplo
I Pedro Cap. 5;4
E quando aparecer o sumo pastor, alcançareis a incorruptível coroa da glória.
Mas ser Pastor de verdade vai muito além do que isso.
Ser pastor é viver de renuncias e tornar-se menino para a bondade e a fé no seu coração fruir.
É ser em algumas oras pai, que dá conselhos e sermão quando necessário.
 Pastor é o homem que clama a Deus pela vida de outras famílias, sem jamais se esquecer de sua linhagem, o pastor é a coluna que sustenta o nosso ministério, sua oração é o que nos livra de todas as malignidades e laços que o inimigo coloca em nossos caminhos nos impedindo de ver a boa obra que o Senhor Jesus tem em nossas vidas, sua oração nos sustenta na fé e nos faz acreditar que um dia o mundo inteiro se prostrará diante do Senhor.
Homem de carne com seus pecados em comum, mas que ora para que o espírito santo convença o povo de seus pecados em busca do verdadeiro arrependimento.
Pastores vocês oram pela juventude do nosso ministério, pois sabem que em nós estão os profetas de uma nova geração. E quando estamos desanimados vemos o quão solidários vocês são, tendo sempre uma palavra de ânimo e conforto para as nossas vidas.
Pastor Tércio, pastor Sérgio Messias, pastor José Carlos, pastor Wilson e os demais pastores deste ministério e claro sem se esquecer do Presbítero Nilo, presbítero Reinaldo e presbítero Denis.
Profetas, homens que foram escolhidos para pregarem boas novas aos mansos, vocês nos alimentam, nos protegem e nos ajudam a crescer a cada dia mais e mais em nossa fé.
Ser pastor é não ter horário pré-estabelecido é muitas vezes virar a noite orando e jejuando pela vida de suas ovelhas, ser pastor é dar a cara a tapa e ir em busca dos que ainda estão perdidos, proclamando liberdade os cativos e abertura de prisão aos presos.
Enfim se a Casa de Oração está hoje em um patamar onde jamais imaginávamos que alcançaríamos, pois para chegar aonde estamos hoje a luta foi muito grande, mas mesmo assim vocês não desistiram, persistiram em suas orações e Deus no seu intimo atendeu as suas súplicas fazendo desta família que somos hoje, mais do que vencedores em Cristo Jesus.
E hoje somos nós que oramos pelas suas vidas para que vocês sejam enriquecidos sempre, mais e mais da graça de Deus e assim continuem pregando a mensagem de amor e perdão, que dá salvação e que conduz aos céus.
Por isso hoje os jovens e todos os membros deste ministério querem dizer a vocês. “Obrigado pastores...”
Dos: Jovens da I.C.O.E.D
Para: Nossos pastores

sexta-feira, 4 de junho de 2010

Barulho Santo 2º temporada



Os jovens da Igreja Casa de Oração Encontro com Deus se reuniram nos dias 23 e 30 de Maio para realizarem mais uma missão de evangelização. Dessa vez o culto de ação e graça ocorreu na casa de recuperação feminina “Missão Anakainosis.” Situada no bairro do KM 55, próximo ao posto do Route 55 na cidade de Santa Isabel. O segundo evento social do ano foi organizado pela irmã Lindinalva e toda a sua equipe do “Projeto Despertar.”

A casa de recuperação Missão Anakainosis está em funcionamento na cidade de Santa Isabel há sete meses, o seu número de internas são sete mulheres, localizada em um lugar de boa comodidade, a casa ainda necessita de algumas doações por parte do serviço público. Faltam médicos, dentistas e um psicólogo, para prestarem atendimento às internas que estão em processo de tratamento intensivo no combate da droga. Segundo o pastor e diretor da casa de recuperação Antonio Carlos, todo o tratamento é feito embaixo de orações e as internas estando lá estarão mais longe das drogas. “O objetivo deste trabalho é prepará-las para uma nova vida e mostrar que a droga é prejudicial à saúde.”

Os jovens arrecadaram a maioria dos alimentos não perecíveis com alguns irmãos da Igreja que se dispuseram a contribuir neste trabalho de evangelização e outra boa parte veio de doações feitas por moradores do bairro da Avenida Brasil.
No último dia 30 o grupo de louvor da Casa de Oração que é liderado pela irmã Larissa fez uma grande adoração, pela manhã inteira a cada louvor se via o trabalhar de Deus na vida daquelas mulheres. O espírito do Senhor desceu sobre aquele lugar onde o que se via era um povo que não se continha em lágrimas, de um lado jovens arrependidos dos seus pecados e do outro, pessoas que não precisaram passar pela dor para reconhecer que Jesus Cristo é o Senhor.













Os jovens da Casa de Oração saíram daquele lugar não com a sensação de dever cumprido, mas com a certeza de que o trabalho ainda é árduo, há uma grande batalha ainda pela frente e a missão do Barulho Santo não acaba por aqui. O Barulho Santo voltou depois de seis meses para dar o “Despertar” da igreja do Senhor.
Apascentar almas não é trabalho voluntário, mas sim o dever de todo Cristão.




Mais fotos deste e de outros eventos você encontra em: http://comunicaicoed.ning.com/

domingo, 2 de maio de 2010

A salvação foi proclamada

No dia 21 de abril a igreja Casa de Oração Encontro com Deus, desceu a avenida da república para realizar um dos maiores eventos evangelísticos já vistos na cidade de Santa Isabel.

“Passeata Despertar sem parar pra Jesus” foi o nome dado a este espetáculo de cores, fantasias, caras pintadas, crianças com cartazes e apitos na boca fazendo mais do que barulho, fazendo “Barulho Santo.” Às nove da manhã as pessoas que participaram deste evento estavam em concentração na frente da igreja sede Casa de Oração Encontro com Deus. Mais de cem pessoas entre adultos, jovens e crianças participaram desta festa de louvor e adoração.

O evento estava recheado de atrações como Clow, pantomima (teatro mudo), dança de rua e dança com o grupo Ágape. Foi uma manhã inteira de muitos risos.




As pessoas na rua eram abordadas por jovens de caras pintadas, muitos eram surpreendidos com cartazes onde estavam escrito “Abraço grátis.” Invadimos os comércios, abraçamos desde o mais rico dentro do seu luxuoso carro, até o mais pobre que trazia nas costas um carro de papelão, mostramos a essas pessoas que só Jesus é o Senhor. No dia 21 de abril de dois mil e dez fizemos mais do que uma passeata, fizemos uma igreja única, não houve placas de ministérios, mas sim pessoas transbordando de unção.








A passeata teve o seu ponto de chegada na Praça da Bandeira local de referência na cidade. Lá os ministérios se apresentaram, cada pastor tirou sua palavra da bíblia, teve apresentação dos grupos de dança da Casa de Oração de Santa Isabel e São Paulo e a peça teatral Açoite. No final todos que ali estavam deram as mãos e fizeram um circulo envolta do coreto da praça e numa só voz oramos e pedimos a Deus para que ele cobrisse Santa Isabel com o teu amor.




Ministérios que participaram do evento.








Momento de oração na Praça da Bandeira


Porque, como a terra produz os seus renovos, e como o horto faz brotar o que nele se semeia, assim o Senhor fará brotar a justiça e o louvor para todas as nações.

“Isaías cap. 61: 11”



segunda-feira, 26 de abril de 2010

Desperta, desperta, desperta

Livro de Lucas cap. 4: 18; 19

O Espírito do Senhor é sobre mim, pois que me ungiu para evangelizar os pobres, enviou – me a curar os quebrantados do coração.
A apregoar a liberdade aos cativos e dar vistas aos cegos; a por em liberdade os oprimidos; e anunciar o ano aceitável do Senhor.

Juliana (Igreja) e Liliane (Prostituta)

De cima para baixo

Malcon (Ladrão), Tião (Mendigo), Bruno (Drogado) e Alex (Bebado)



No dia três de Abril os personagens mundanos invadiram a Casa de Oração, sobre a direção da irmã Juliana o grupo teatral “Despertar em Cristo Jesus” trouxe para dentro da Igreja um ladrão, uma prostituta, um mendigo, um drogado e um
bêbado que foram representados pelos irmãos Malcon (Ladrão), Liliane (Prostituta), Tião (Mendigo), Bruno Martins (Drogado) e o Alex encenando um(Bêbado).
A principal fala durante o espetáculo dita por todos os personagens foi à seguinte:
Será que não há quem possa me ajudar ou estender a mão?



A diretora da peça Juliana que também atuou representando a Igreja disse que a ideia de trazer esses personagens do mundo para dentro da igreja foi uma forma de despertar os irmãos para a realidade de que essas pessoas estão cada vez mais próximas de nós.
Concerteza essa peça teatral deixou muitos irmãos emocionados com o que ali foi representado por esses jovens que por alguns minutos vestiram as roupas do mundo para Despertar a igreja e mostrar a esses cristãos que o mundo não é só flores. A realidade é cruel e dura devemos ir até essas pessoas, devemos contar as boas novas e mostrar para um drogado que o prazer com Jesus é para sempre diferente do mundo que é momentâneo, e necessário estarmos dispostos a abraçar um mendigo e mostrar a ele que ele não está só devemos alimentá-lo com a palavra, pois ele tem fome e sede de justiça.



Naquela mesma noite enquanto outros grupos teatrais encenavam em vários cantos do país a crucificação de cristo a Igreja Casa de Oração Encontro com Deus, fez diferente com o irmão Luciano interpretando Jesus, o espetáculo encenou a ressurreição de cristo, o próprio Luciano se emocionou durante a peça.
Era necessário mostrar aquelas pessoas que a cruz está vazia, não há mais nenhum corpo lá Jesus está conosco. Todos os nossos pecados foram levados com ele para o madeiro, para que mortos para o pecado pudéssemos viver para a justiça; e pelas suas feridas fostes sarados. (Pedro 2: 24).






Personagens do mundo representados por cristãos a ressurreição de Cristo encenada por um humano com suas falhas e pecados em comum. A cruz está vazia sim, Jesus está conosco sem dúvida, mas e o ladrão, a prostituta, o mendigo, o drogado e o bêbado. Enquanto Jesus ainda bate na porta da casa de muitos cristãos para entrar, esses personagens nos rodeiam estão por toda a parte esperando que algum cristão os ajude ou estenda suas mãos. Sem mais dizeres termino por aqui essa matéria com uma das frases ditas pela irmã Juliana durante o espetáculo:
“Igreja do Senhor estamos preparados para receber essas pessoas?”

sexta-feira, 5 de março de 2010

Em breve Barulho Santo II

Se você quer participar e tem ideias legais para fazermos um projeto de evangelização procure a secretaria da Igreja Sede ou o grupo de comunicação do Informativo I.C.O.E.D e venha participar conosco de mais um Barulho Santo 2010. Nada ainda foi definido, portanto dê a sua opinião, participe.
Porque o Senhor Deus disse. Ide e pregai o evangelho a toda a criatura.

Não basta ser crente tem que ser cristão


Acordei pela manhã e me deparei com minha esposa que com o seu rosto próximo ao meu fitava-me com os olhos, sem dá muita bola vi que estava atrasado para o trabalho pela manhã teria uma reunião e não poderia me atrasar, começamos a manhã brigando. A culpei pelo meu atraso. Por que ficas-te a me olhar e me deixas-te perder a hora? Ela nada me disse e foi para a cozinha preparar o café da manhã.
Sai às presas de casa, dei um beijo seco em meu filho e ela mais uma vez não me disse nada. Também pudera essa mulher sempre foi um estorvo em minha vida desde que nos casamos vive as minhas custas. Ao chegar no trabalho o gerente me chamou em sua sala e me disse que a empresa por motivos de crise estava dispensando funcionários e eu estava na lista de dispensa por tempo indeterminado. Fiquei pasmado o chão se abriu aos meus pés e num momento de conversa com o Senhor disse:
______ Pai como podes ó Deus eu que sempre fui fiel a ti trabalho em tua obra e me acontece uma coisa dessa, eu não mereço isso senhor.
Sai às pressas, pois não havia mais nada a ser dito, naquela mesma manhã sai na procura de emprego nas empresas concorrentes, mas nada consegui, já passava das cinco da tarde quando resolvi não tentar mais. Fui para minha casa aquela era uma noite de culto nada disse a minha mulher porque não era de sua conta saber o que se passou no meu dia, ela e meu filho já estavam arrumados tomei meu banho, troquei de roupa, peguei a bíblia entramos no meu carro e fomos até a igreja. Eu estava com um pressentimento de que Deus iria falar comigo naquela noite, de que ele me abriria uma porta de emprego na manhã seguinte e eu inventaria uma desculpa para ela de que apareceu uma proposta melhor de emprego e por isso eu sai daquela empresa onde trabalhei durante onze anos. (Apocalipse 19)
Entramos na igreja aquela mesma conversa de sempre a paz do senhor pra lá, a paz do senhor pra cá sentamos no banco próximo ao púlpito. A palavra a ser discutida naquela noite foi o livro de Gênesis o pastor falou da criação da mulher e em voz alta ele gritava dizendo.
_______ A mulher amados irmãos foi feita por Deus para ser o auxilio do homem nos momentos mais difíceis, para ajudá-lo.
Pensei rapidamente comigo essa minha esposa está a mais tempo do que eu na igreja e ainda não aprendeu que o dever dela é de me ajudar com as despesas do lar. Naquele momento me senti um traído até mesmo por Deus. Não foi esse propósito que eu coloquei em tuas mãos senhor eu pedi uma varoa que me acompanha-se, fosse o meu braço direito nos negócios não uma para ser minha escrava que só fica em casa e ainda sente orgulho em dizer que é do lar.
Na hora de dar a oferta dizimei como sempre peguei minha décima parte e entreguei no altar do Senhor, e numa oração breve disse a ele que me ajudasse a encontrar um novo emprego melhor do que eu havia acabado de perder. (Maláquias: 3, 10) e como promessa de sacrifício prometi, que aumentaria meu jejum e passaria a orar mais todos os dias no meu intimo, mas primeiro a bênção teria que chegar na minha porta eu não iria precisar sair a procura dela. (Isaias: 56). Fui até o altar entreguei minha oferta alçada ao altíssimo satisfeito de que havia feito o meu melhor voltei ao meu lugar ainda em espírito de oração e feliz ao saber que amanhã Deus derramaria sobre mim a maior abastança e a porta do emprego logo seria aberta. Tenho essa certeza porque sou luz e nunca vi um justo do senhor sem resposta nem sua descendência mendigar o pão.
Chegamos em casa naquela noite e tive uma surpresa, minha esposa pediu para que eu me sentasse a mesa com meu filho, ela foi até a cozinha e buscou o jantar que ela mesmo havia preparado. Ela sempre teve boas mãos para cozinhar formada em gastronomia adorava inventar pratos típicos, ela me serviu e também serviu ao meu filho se assentou ao meu lado na mesa e como sempre oramos ao Senhor Deus agradecendo pela comida farta que ele colocava em nossa mesa enquanto muitos miseráveis ainda procuram no lixo o que comer.
Minha esposa só me olhava ela parecia querer dizer algo, eu estava cansado e queria terminar aquele jantar logo para ir deitar-me. De repente olho no canto da mesa e vejo que o meu único filho não tocou no prato e bravo disse a ele:
______ Coma logo se não irá esfriar. E ele sem medo me respondeu que estava em jejum por isso não poderia comer. _______ Mas como é que pode uma criança de nove anos já em jejum com o senhor? Falei comigo mesmo quero só ver quanto tempo ele irá aguentar. E ele olhando para mim me perguntou:
_______ Papai o senhor não jejua? Porque eu nunca vi. Ele me pediu para que explicasse a ele por que os cristãos jejuam. Olhei para ele e fiquei sem reposta. Amanhã a gente fala sobre isso, sem esperar que todos terminassem me levantei da mesa. Papai! Uma voz no fundo me chamava. O senhor acha que Deus irá me curar da doença que o médico disse hoje que tenho se eu for fiel a ele? Ainda de costas disse: _______ Sua mãe fica te levando ao médico só para encontrar doença onde não tem.
_______ Mas o médico disse que eu estou com câncer, ele não iria mentir porque o senhor mesmo me ensinou que a mentira não é de Deus. Olhei para minha esposa e ela com a cabeça baixa estava chorando era um sinal de que tudo aquilo era realmente real, minha reação não foi outra a não ser dobrar os meus joelhos e clamar ao senhor e numa oração ali eu peguei meu filho nos braços e o abracei orando por ele o ungi com minhas lágrimas repreendendo toda a malignidade, mesmo me sentindo incapaz de fazer isso eu orei com a intenção de que Deus atendesse minhas preces.
Naquela noite não dormimos e ficamos acordados a noite inteira, liguei para o meu médico e ele disse que nada podia fazer o câncer chegou rápido demais e se espalhou por todo o corpo. Fiquei desacreditado durante dias me senti um hipócrita quantas vezes orei para Deus invão, quantas vezes coloquei meus desejos a frente de tudo e me culpei durante todas as noites. Já eram três da manhã e acordado com minha mulher na sala aproveitei a ocasião de dor com várias pessoas envolta, disse a ela o que durante toda uma vida de casados fui incapaz de dizer, a agradeci por ela naquele momento de dor e angústia ter sido mais pai do que eu ao nosso filho e nós abraçados choramos um sobre o outro.
Já não havia mais nada o que fazer era necessário começar de novo uma nova família cujo a qual ele nunca ia deixar de fazer parte. Meu filho se foi e virou uma estrela, mas não foi Deus quem o tirou de mim, sai daquele lugar de dor com a certeza de que não fui um grande homem, mas que o meu filho e minha mulher sempre me amaram. E eu tive que aprender na dor a ser cristão e a valorizar minha mulher que no seu intimo sempre intercedeu por minha vida. Ela foi o meu auxilio sem eu notar e bem aventurados são aqueles que seguem os mandamentos do senhor e não buscam reconhecimento.

Reação


Reação é a Atitude diante de estímulo interno ou externo que produz algum resultado. Toda ação produz uma reação. O tipo e a qualidade da reação dependem do seu emissor, segundo suas características peculiares e o ambiente em que se encontra. A reação está intimamente ligada ao estímulo provocado.
No princípio criou Deus... Elohim: (Deus com poder criou (bará) tudo do nada). Neste cenário vemos a pessoa de Deus se manifestando como Deus criador, no Espírito e na Palavra (voz de comando). Deus que não está preso ao nosso mundo físico, Ele transcende o tempo e o espaço físico por nós conhecido. Ele é o Eu Sou o que Sou que é a existência pura, e que age na História do homem. Nosso emissor é ele. A Palavra de Deus nos diz que tanto o querer como o efetuar vem Dele. Ele pode gerar o tudo do nada.
Deus não reage, porque ninguém o poderia gerar estímulos. É dele que vem toda ação estímulo. O inimigo que não gera nada procura sempre distorcer a comunicação e enganar para que o homem seja de forma equivocada estimulado e sua reação venha a ser destrutiva, segundo sua natureza caída. Deus é a essência da ação contínua diante desta ação podemos ter somente duas reações.
Na verdade escolhemos a que tipo de estímulo reagiremos. Ou ação real de Deus ou ao engano de satanás. Nosso inimigo irá sempre estimular nosso desejo e emoções, segundo nossas necessidades. Reação que envolve o comando das nossas emoções e os desejos de suprir necessidades está relacionada a sistema do mundo, e a outra o comando do temor do Senhor (obediência aos princípios de Deus e dependência do Senhor). Este dois estímulos são tão poderosos que são os que movem o mundo. Um para a construção de um plano universal e o outro destrutivo e maligno.
A Palavra de Deus gerou todas as reações conhecidas e reais. O engano foi o comando que provocou a desobediência, o erro, o medo e a separação de Deus e o engano.Toda ação tem uma reação. Mas nem toda ação é real.
Quando as ações são consequências do fruto do Espírito e foram geradas pela Palavra geram vida e se as consequências provêm do engano causam morte. Esta lei de ação e reação que rege todo nosso comportamento, porém, quando nossa reação responde a ação de Deus temos resultados de vida. Porém quando nossa reação é resposta direta de nossas emoções e desejos de nossa concupiscência, será o ambiente propício para o inimigo provocar a morte.
Somos nós que liberamos o engano ou não do inimigo quando não respondemos sob a lei da Verdade. Até o tolo é tido sábio quando se cala. Se procederes bem, não serás aceito? Se procederes mal, eis que o pecado jaz à porta... É interessante que a Palavra de Deus nos mostra que o viver os princípios nada tem haver com reagir às nossas emoções. Na verdade as emoções são tão bem-vindas quando na presença de Deus, na harmonia da presença do Espírito e o fruto dele em nós. O mundo vive o que seus sentimentos ditam, nós desfrutamos das emoções fruto de viver sob a plenitude do Espírito Santo em nossa vida. A nossa preocupação não deve ser viver lei árido de obediência e nem impulsos descontrolados segundo o que sentimos.
O equilíbrio disto é poder entender que dependemos do Espírito para podermos ter de Deus sabedoria, que não precisamos do pulsar emocional para podermos aplicar obediência. É mentira do inimigo que precisamos sentir para obedecer. Outra mentira é que não sentiremos o desejo na obediência. Na verdade na medida em que dependemos do Espírito Santo, mais e mais há uma alegria em poder obedecer. Mas com certeza, há um processo no aprofundar na intimidade em Deus.
Lembrando que viver a plenitude de Deus tem ligação direta em quanto Jesus é suficiente e se nos submetemos ao Seu senhorio. Nossa carne precisa de nossa vontade que escolhe a Verdade. E é da Verdade que geraremos reações de vida em nossa própria vida.
O reflexo daquele que tem sido nosso estímulo é visto em meus pensamentos, palavras e ações e emoções. Como tem sido? Tenho refletido Cristo em tudo que sou? Pelos frutos realmente podemos ser conhecidos. Vamos juntos meditar juntos em todas estas coisas com certeza hoje é tempo de podermos reagir a tudo que Deus tem nos falado e feito para mudarmos nossa, geração e fazermos a diferença.
Lembrem-se Reação é provocado por Deus, nosso Estímulo maior que provoca uma atitude que por sua vez provocará um resultado.
Com que atitude tenho respondido aos estímulos de Deus na minha vida?
Que tipo de resultados posso apresentar a este mundo que ainda não conhece a Deus e está morto em seus delitos e pecados?
Lembrem-se também que pelo poder daquele que estimula posso através de minha reação mudar o mundo e permitir que ele gere vida a todas as Nações.
Reaja em Cristo.